Pela primeira vez, o festival será totalmente online e gratuito devido à pandemia

A partir desta quinta-feira (17), o Festival Curta Brasília escreve mais um capítulo na história do cinema brasileiro, no qual busca valorizar e chamar ainda mais a atenção do público para as produções de curtas-metragens nacionais. Realizado anualmente pela Sétima Produções, o festival premia os melhores curtas produzidos entre 2019 e 2020 e, para a sua nona edição, o evento será realizado em formato totalmente online pela plataforma Looke , em parceria com o Fórum dos Festivais. Para a programação internacional, os filmes serão todos em 360 na plataforma CVR de realidade virtual, via site do Curta Brasília.

A programação vai até a próxima segunda-feira (21), contará com a exibição de duas mostras competitivas: nacional e tesourinha, com 19 curtas concorrendo a cinco premiações: Melhor filme eleito por júri popular; Melhor filme do DF eleito por júri popular; Prêmio Cine França Brasil — oferecido pela Embaixada da França (ganha uma viagem para o país e exibição do filme por lá); Prêmio Brazucah (R$ 1.000,00 para filme eleito pela comissão da produtora Brazucah). E uma da Mostra provocações: Prêmio Provocações — oferecido pelo Fundo Brasil de Direitos Humanos (R$ 1.000,00 para filme eleito por comissão da fundação). 

Inéditos  

Além da plataforma exclusiva de realidade virtual, o CVR traz filmes de diretores consagrados como Tamara Shagaolu (filme “Another Dream” da Holanda), diretora negra em destaque no mundo com produções de VR relacionadas à Diversidade e ao Empoderamento da Mulher; Jan Kounen (filme “Ayahuasca“) renomado cineasta francês que já participou de festivais como Cannes, Varilux; Uri Kranot (filme dinamarquês “Songbird“) que levou prêmios como do Festival de Veneza em 2020; e Nicolás Alcalá, com o filme espanhol “Melita” em destaque no circuito internacional de eventos de realidade virtual. 

Podemos destacar a estreia mundial do filme “Paradise em Chamas“, produzido pela Virtual Planet Technologies, que mostra em 360 os impactos devastadores de incêndios florestais, assim como possíveis soluções para redução de riscos futuros. 

Brasília se destaca na produção de filmes VR como o “Heróis do Rio Madeira“, que narra a saga de uma enfermeira em plena Amazônia, valorizando os profissionais da saúde e mostrando um pouco mais da realidade da região norte do país.

O Curta Brasília, mantendo sua tradição, inova e amplia todo ano, unindo arte, tecnologia e pautas importantes da atualidade a partir do cinema imersivo, como mudanças climáticas, diversidade e direitos humanos. 

O Festival Curta Brasília é uma realização da Sétima Cinema, com recursos do Fundo de Apoio à Cultura do DF; patrocínio da Embaixada do Reino dos Países Baixos e da Embaixada da França; parceria do Instituto Cultural da Dinamarca; e apoio da Embaixada da Espanha e Fundo Brasil de Direitos Humanos, Looke e Fórum dos Festivais.

VÍDEOS OFICIAIS DO FESTIVAL 
Festival Curta Brasília
Trailers dos Filmes

Serviço

9º  Festival Curta Brasília
Quando: 17 a 21 de dezembro de 2020 
Onde: Formato inédito, 100% online, na plataforma Looke (looke.com.br) e na plataforma CVR (curtabrasilia.com.br)  
Para mais informações: http://www.curtabrasilia.com.br/  e @festivalcurtabrasilia.
**legenda descritiva (CC) disponível em português + legendas em inglês

Texto/Release: Sétima Produções